Vampiros modernos: os ladrões de energia
☰ Menu

Dias de Sol - Blog sobre beleza, proteção solar, livros e outras coisinhas do universo feminino.

  • Vampiros modernos: os ladrões de energia

Vampiros modernos: os ladrões de energia

Em um momento você está bem, cheio de alegria e entusiasmo. Porém, determinada pessoa se aproxima de você, e de repente você sente como se sua energia tivesse sido sugada para fora do seu corpo. Cansaço repentino, bocejos sem fim, tristeza, vontade de dormir ou de fugir. Já sentiu isso? É isso o que acontece quando estamos perto de um ladrão de energia.

ladrões-energia

Algumas pessoas nos roubam energia sem perceber, por não conseguirem produzir ou absorver energia boa suficiente para que se mantenham abastecidos e de bem com a vida. São pessoas boas, muitas vezes de nossa família ou de nosso círculo de amigos, mas que fazem com que a gente sinta um certo desconforto em suas presenças.

Não sou especialista no assunto, mas já consegui identificar os tipos de vampiros que mais me deixam derrubada:

  • aquele que só fala de si. E pra piorar, só fala de problemas. O tempo todo. Sem parar.
  • aquele que critica a tudo e a todos, mas na verdade morre de inveja de todo mundo.
  • aquele que joga areia no meu sundae, e quando falo dos meus objetivos, sempre dá um jeitinho de disfarçadamente me desanimar.
  • aquele que sempre espera o pior da vida e acha que tudo só tende a ir de mal a pior.
  • aquele que não fala nada de mau, não faz nada de mau diretamente, mas só sua presença e pensamentos negativos já pesam umas duas toneladas. (esse é tipo mais difícil de lidar, em minha opinião).

Quando o ladrão de energia é alguém totalmente do bem e faz parte do nosso círculo de convivência, é complicado saber como agir sem causar desentendimentos. Na minha existência, é totalmente inimaginável chegar na pessoa e dizer: Oi, tudo bem? Eu te gosto muito, mas você é muito chato, pessimista, egoísta, dark e toda vez que fico perto de você tenho vontade de sumir. Então vamos melhorar, ok?

Dizer isso pra alguém é garantia de tomar um socão no meio da boca ou escutar a maior choradeira. Portanto, não dá, né?

Mas, ao mesmo tempo em que não queremos ficar mal com pessoas das quais gostamos, precisamos manter nossa saúde mental e nossa energia positiva. Então, alguma coisa precisa ser feita.

Ainda acho que o melhor caminho é conversar com jeitinho com a pessoa, e mostrar pra ela que aquele comportamento faz tanto mal pra ela quanto pra nós.

Porém, como nem sempre isso é possível, outra saída que uso é mudar o meu comportamento quando a pessoa começa a agir de modo vampiresco. Se a conversa começa a tomar um caminho egoísta, pessimista, mudo de assunto de repente, de um jeito que a pessoa realmente perceba que eu não estou curtindo o rumo da prosa. É simples e geralmente funciona.

Não sei se isso funciona com todo mundo, mas o importante é a gente se blindar contra os ladrões de energia, pois isso nos afeta muito negativamente.

O pior e melhor tipo de vampiro energético é aquele que não fazemos questão de ter por perto. São aquelas pessoas com as quais às vezes somos obrigados a conviver, seja na escola ou no trabalho, por exemplo, e que acabam por sugar nossa energia vital, muitas vezes propositalmente. Digo que esse grupo é o pior tipo pois esse povo geralmente sofre de inveja crônica, frustração com a própria vida, fica triste com a felicidade dos outros e se alimenta da desgraça alheia. Esse tipo de gente rouba deliberadamente a energia dos outros. Porém, esse o melhor tipo de ladrão de energia, pois como não faz parte das pessoas que fazemos questão de ter por perto, é muito fácil de se proteger dele: é só ignorá-lo. Se ele quiser provocar uma briga, ignore-o. Se ele tentar te colocar para baixo, ignore-o. E nunca mude seu modo de agir por conta dele. O ladrão de energia geralmente quer desestabilizá-lo, justamente pelo fato de que pessoas com equilíbrio e felicidade em abundância o incomodam. Então, não perca sua educação, não deixe de brilhar e nem perca a compostura. Apenas ignore-o.

Do ponto de vista do amor ao próximo, da necessidade de ajudarmos os outros a serem pessoas melhores, essa não é a solução mais perfeita.

Mas pra ajudar a gente a se manter em paz, longe dos sugadores energéticos, isso funciona bem! :)

E vocês, como lidam com os ladrões de energia?

Beijos!

The following two tabs change content below.
Paulistana que mora na praia, mas foge do sol. Libriana, indecisa e que ama cachorros, pizza e livros, e é dona do Dias de Sol. Muito prazer!

Latest posts by Vivian (see all)

4 comente aqui
Posts Relacionados
Deixe seu Comentário


Dias de Sol no Youtube // Se inscreva!