Vale a pena investir em um curso a distância?
☰ Menu

Dias de Sol - Blog sobre beleza, proteção solar, livros e outras coisinhas do universo feminino.

  • Vale a pena investir em um curso à distância?

Vale a pena investir em um curso à distância?

Oi, pessoal!

Hoje quero falar sobre educação a distância. Já falei algumas vezes por aqui que embora eu não exerça a profissão, minha formação universitária é em Pedagogia. Tive a oportunidade de cursar duas especializações, ambas a distância, e uma delas me deu o título de Designer Instrucional para Educação a Distância. Mais para frente faço um post especificamente explicando que diabo é isso. Trabalhei por 4 anos como tutora de cursos de pós-graduação lato sensu (especializações) oferecidos a distância. Já fiz um montão de cursos virtuais. Então, acho que dá pra entender a sensação péssima que sinto quando ouço alguém se referindo à educação a distância como uma forma inferior de ensino, ou menosprezando quem estuda por meio dessa modalidade.

educação-a-distância

Geralmente, as pessoas criticam ou temem o que não conhecem bem. E com a EAD, o preconceito é grande e injustificado. As pessoas a comparam com a educação presencial, sem entender as peculiaridades que as duas modalidades de ensino têm. A educação a distância frequentemente é relacionada a ensino de má qualidade, para pessoas que querem obter um diploma ou certificado com o menor custo e esforço possível.

Acontece que, assim como há certos cursos presenciais de qualidade duvidosa, no universo da educação a distância, a mesma coisa ocorre. Por haver a cada dia um público maior para a EAD, é crescente a oferta de graduações, pós-graduações e cursos livres totalmente a distância. Porém, nem todos são bons, da mesma forma que nem todo curso presencial é ótimo.

Se você está pensando em investir seu tempo e dinheiro em um curso a distância, é preciso refletir sobre alguns pontos:

Eu tenho perfil para a educação a distância?

Na minha modesta opinião, a educação a distância não é pra qualquer um. Quando eu era tutora, conseguia visualizar claramente quais alunos seriam capazes de concluir o curso e quais o abandonariam na metade do caminho.

Ser aluno de EAD requer algumas características muito importantes, e que infelizmente nem todo mundo tem:

1 – Disciplina: por não contar com a presença “física” de um professor, você será completamente responsável por suas obrigações e por seus avanços nos estudos. A educação a distância é ideal para alunos mais autônomos, que consigam administrar bem o próprio tempo e que sejam capazes de estabelecer suas metas pessoais e cumpri-las.  Portanto, se você é daquele tipo de pessoa que só funciona “sob pressão”, com um professor no seu pé cobrando resultados, a EAD não é pra você.

2 – Organização: a educação a distância é bastante flexível. Quando você realiza um curso pela internet, geralmente as aulas e atividades ficam disponíveis por dias ou semanas, e você tem um determinado prazo limite para entregar as tarefas. Isso será tentador, e para os mais desoganizados, a tendência inevitável será deixar tudo para a última hora. Se você não for capaz de organizar sua rotina, a EAD não é uma boa pedida.

3 – Comprometimento: sempre acreditei que não existe essa história de escola boa ou ruim, curso bom ou ruim. O que é bom (ou ruim) é o aluno. Você pode estudar na melhor instituição da cidade, se você for um aluno marromeno, daqueles que só estudam em véspera de prova, não se aprofundam nos temas vistos em sala de aula e nunca fazem mais do que aquilo que todo mundo faz, seus resultados serão ruins. Tenho certeza de que nenhum curso do mundo é suficientemente bom para fazer com que um aluno desinteressado aprenda alguma coisa. Logo, se você for um aluno porcaria, tanto faz fazer um curso presencial ou a distância: seu aprendizado será mínimo.

4 – Independência: você enxerga o professor como alguém que vai te dar o conhecimento prontinho, ou como um facilitador para que você aprenda alguma coisa? Se você escolheu a segunda opção, então talvez a educação a distância seja para você! Quem estuda em casa sabe assumir a responsabilidade pelo próprio aprendizado, e vai atrás do conhecimento, enxergando o professor como um auxiliar, mas não como o personagem central do processo educativo.

ead

A instituição que eu escolhi é confiável?

Na hora de escolher um curso a distância, é preciso MUITO cuidado para não entrar numa fria. A oferta de cursos é gigante, mas nem todos são credenciados pelo MEC, então uma pesquisa no site do Ministério da Educação é essencial. Além disso, é bom conferir outros detalhes sobre a instituição: se os professores e tutores são qualificados, se os polos tem a estrutura necessária etc.

Existem alguns mitos relacionados à EAD, e as pessoas acabam achando que realizar um curso por essa modalidade é mais “fácil” ou mais “rápido”. Há outros que criticam o método por achar que nada substitui a experiência de aulas “ao vivo”.

Em primeiro lugar: gente, a EAD ajuda muita gente que mora em lugares mais afastados e não tem acesso a certos cursos presenciais. Ajuda também pessoas que tem uma rotina meio doida e não tem disponibilidade de estar presencialmente em uma sala de aula. E, por fim, auxilia aqueles que simplesmente preferem estudar no conforto da própria casa. É uma questão de necessidade e escolha. Se você é do tipo que acha que uma aula a distância não é capaz de ensinar nada a ninguém, eu te faço a seguinte pergunta: você, no aconchego do seu lar, enquanto lia um livro, você sozinho aí, já aprendeu alguma coisa dessa forma, só pelo simples fato de ler? Acho que sim, hein? E o que é isso se não você estudando “a distância”? O autor do livro, afastado de você no tempo e no espaço, foi capaz de te ensinar algo por meio das páginas escritas, certo? Então, por que um curso a distância não funcionaria?

Quanto a dizer que um curso a distância é mais fácil que um presencial? Na minha opinião, isso procede? Na-na-ni-na-não. O grau de exigência vai depender do curso e da instituição, mas é inviável generalizar e dizer que uma modalidade é mais moleza que a outra.

A EAD muda a vida de um monte de pessoas, e nos abre portas para coisas fantásticas! Já pensou, você aí da sua casa, ter aulas com professores de universidades de todos os cantos do mundo?

Acho isso maravilhoso! E, respondendo finalmente à questão que foi o título desse post: sim, acho que vale a pena investir em um curso à distância, desde que você tenha o perfil adequado a essa modalidade de ensino, e confira a reputação da instituição na qual você irá estudar! Os cursos que fiz a distância me trouxeram conhecimentos e experiências incríveis, e não me arrependo de tê-los feito. Acredito que certos cursos são melhor ajustáveis à educação à distância, como os relacionados à área de humanas, mas com a metodologia e tecnologia adequadas, acredito que uma infinidade de conteúdos pode ser trabalhada por meio da EAD.

E vocês, o que pensam a respeito da educação a distância? Podem ser sinceros, sem medo de me magoar, prometo não ficar triste!ahahahaha

Beijos!

The following two tabs change content below.
Paulistana que mora na praia, mas foge do sol. Libriana, indecisa e que ama cachorros, pizza e livros, e é dona do Dias de Sol. Muito prazer!

Latest posts by Vivian (see all)

3 comente aqui
Posts Relacionados
Deixe seu Comentário


Dias de Sol no Youtube // Se inscreva!